Translate - Escolha o idioma em que deseja ler este blog.

terça-feira, 23 de outubro de 2018

Baunilha


Foto: Tainara Silva


Leite morno,
amido de milho,
cheiro doce de baunilha,
canela e cravo-da-índia
em açucarado caldeirão
sobre a boca do fogão.
A colher de pau
passeia, rodopia,
brinca de amarelinha,
 volteia no  mingau...
E a memória da criança
prepara o creme de aromas
sem receita,
de lembrança.

(Poema Classificado no Festival de Poesia do SESC Cornélio Procópio / PR, 2018)
*Cris Dakinis

Plágio é crime. Respeite os direitos autorais, mencionando os créditos de autoria.

Nenhum comentário: