Translate - Escolha o idioma em que deseja ler este blog.

sexta-feira, 27 de abril de 2018

Tardes de abril - Cris Dakinis



Tardes de abril
Enquanto a lagoa desenha
a estampa sonora 
da revoada de passarinhos
de volta aos ninhos,
eu flerto com o entardecer
posto que nos sintonizamos
com as árvores barulhentas
e o aroma das folhas verdes
na orla salgada e úmida...
Há um ritual pagão
nas tardes de abril:
a areia perdendo o bronze
o horizonte ganhando lume
o vento morno e moroso
a chuva por acontecer...
Uma coruja antecipa o anoitecer
no teto baixo da nuvem fria,
o silêncio dorme em cada ninho, 
e eu retomo o meu caminho.

Cdakinis

Nenhum comentário: