Translate - Escolha o idioma em que deseja ler este blog.

quarta-feira, 5 de julho de 2017

Soneto ao amigo Emanuel Medeiros Vieira


Ao amigo Emanuel Medeiros
                                               
De tudo sabe o amigo escrever
Fatos passados ou da atualidade
Sua fluência é uma propriedade
de cada artigo que me ponho a ler

É que o apreço por tanto saber,
tornou-o amigo da variedade,
deu-lhe riqueza de uma qualidade
que o bom leitor fará por merecer

A lavra é fruto de rico cinzel,
que só os doutos em literatura
hão de fazer-lhe justiça fiel...

Ah! Eu cá sou humilde criatura,
mas sei valorizar tanta cultura
desse meu caro amigo Emanuel.

*Cris Dakinis

Nenhum comentário: