Translate - Escolha o idioma em que deseja ler este blog.

terça-feira, 30 de maio de 2017

CONCURSO DE POESIA DA BAUERNFEST 2017


CONCURSO DE POESIA DA BAUERNFEST - 2017
(Homenagem à Colonização Alemã em Petrópolis)



REALIZAÇÃO: INSTITUTO MUNICIPAL DE CULTURA E ESPORTES DE PETRÓPOLIS



APOIO:
SECRETARIA DE EDUCAÇÃO
ACADEMIA BRASILEIRA DE POESIA - CASA DE RAUL DE LEONI
CLUBE DE POESIAS DO PETROPOLITANO F.C.



COORDENAÇÃO:
CATARINA MAUL


REGULAMENTO:

Em homenagem à colonização alemã em Petrópolis e ao Dia do Colono Alemão, comemorado em 29 de junho, e dentro do evento anual petropolitano Bauernfest, será realizado pelo 25º ano o Concurso de Poesia da Bauernfest, importante evento literário já reconhecido em outros estados e até países, que vem incentivando a prática da poesia escrita como forma de contextualizar sentimentos e visões acerca da data e o do tema abordado. A vinda dos corajosos alemães, o empreendedorismo do Major Julio Frederico Koeler, a paixão de D. Pedro por nossa cidade, somam e resultam no sucesso dessa linda cidade planejada que merece, por sua rica e renomada história, todas as homenagens.

1.     Tema 2017:
Origens
(o tema focado na vinda dos colonos alemães é obrigatório para todas as categorias, exceto para os adultos de outras cidades, que podem utilizar de outras reflexões acerca do mesmo tema)

2.     Categorias:
Infantil (até 12 anos),
Juvenil (de 13 aos 18 anos)
Adulto
Adultos-Outras Cidades

3.     Inscrições realizadas através da entrega ou envio do trabalho: aos cuidados de Catarina Maul, na Casa da Educação Visconde de Mauá, pela caixa postal 91714 – Agência Cidade Imperial – CEP 25620972 ou, ainda, pelo e-mail concursosliterariospetropolis@gmail.com, desde que sejam poetas de outras cidades ou com autorização prévia da coordenação do concurso. Nos e-mails, utilizem o assunto: CONCURSO DE POESIA DA BAUERNFEST.

4.     Prazo de inscrição: até o dia 22 de junho de 2017. 

5.     Apresentação dos trabalhos: As poesias com entrega física deverão ser apresentadas em 5 (cinco) vias, com o máximo de 30 versos e identificação, contendo, impreterivelmente, nome completo, endereço com CEP, telefone, e-mail, categoria e, tratando-se das escolares, ainda nome da escola, telefone do aluno e dados do professor responsável. As informações deverão estar no mesmo corpo de documento, abaixo da poesia e do nome do candidato. Documento sem negritos, caixa alta, em fonte Arial 12. Os documentos enviados por e-mail deverão estar em Word.

6.     Seleção: Serão selecionados 10 (dez) trabalhos das categorias infantil, juvenil e adulto, para serem apresentados ao júri na noite da premiação.  Os 3 vencedores da categoria “adultos de outras cidades” serão apresentados durante o evento de entrega da premiação.

7.     Premiação: Serão premiados com troféus os 3 (três) primeiros colocados e os melhores intérpretes de cada categoria, salvo os poetas adultos de outras cidades, que não disputam o troféu de Melhor Intérprete. A premiação acontecerá dentro da programação da Bauernfest, em data e horário a ser informado, posteriormente.

8.     Maiores detalhes poderão ser esclarecidos através do e-mail concursosliterariospetropolis@gmail.com
.

quarta-feira, 10 de maio de 2017

Voltando ao blog e já é quase metade de 2017 :E... Premiação pela UBE na ABL em companhia de amigos de escrita

Após quase dois anos de abandono do blog, só assim posso definir... Retomo com tentativas de lembrar as últimas premiações e publicações, dentre elas, dois maravilhosos troféus Mário Quintana Poesia e Conto dos finais de anos: 2015 e 2016.


Nesse meio tempo, os haicais brilharam em Barueri, com o  1º lugar para "Neblina"; outro haicai viajando no ônibus em Balneário de Camboriú, um classificado no Prêmio de Haicais de Petrópolis, coordenado pela amiga Catarina Maul, e outro a viajar no ônibus de Gravataí.

Duas publicações nas antologias do  Prêmio Mário Quintana 2016 e 2017. 

E teve mais coisas legais... O Primeiro lugar para o meu livro Infantil Criança quando Cresce Vira Gente Grande pela UBE, concedido na Academia Brasileira de Letras em final de 2016, onde encontrei e conheci pessoalmente muitos caros amigos de "lavra da palavra".






Ainda mais publicações em antologias e coletâneas 2016 e 2017, sempre acompanhada de colegas de escrita. E também, mais um conto infantil COISAS QUE SOMEM, publicado pelo SESC/DF. Precisava vir aqui e comemorar, né? :)