Translate - Escolha o idioma em que deseja ler este blog.

sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Clube de Poetas do Litoral: ÁRVORE DO MAL - Cris Dakinis

                                                    imagem by free pik
Clube de Poetas do Litoral: ÁRVORE DO MAL - Cris Dakinis: A amarga seiva não serve de nada e a tua imensa sombra mal abriga o falso berço, redes de intrigas em tua trama seca e eriçada Nenhuma ...

A amarga seiva não serve de nada
e a tua imensa sombra mal abriga
o falso berço, redes de intrigas
em tua trama seca e eriçada

Nenhuma flor em ti quer ser braçada,
tornaste dos canoros, inimiga,
e as sementes negam-te a barriga
pois tua cepa é de praga tomada

Tu, de raiz às folhas és o inverno
Inútil, imponente e glacial
Mas sobrevives... do próprio inferno

E a solidez? Tão sobrenatural...
Nua de brisas ou de um colo terno
Resta sozinha, Árvore do Mal!

  • Cris Dakinis

Clube de Poetas do Litoral: Dois enterros - André Foltran


                                                     imagem by free pik
Clube de Poetas do Litoral: Dois enterros - André Foltran: Meus pássaros não param de morrer.  Esta manhã dois corpos recolhi : um na esquina onde te perdi, outro à janela em que me vi perder....


Meus pássaros não param de morrer. 
Esta manhã dois corpos recolhi
: um na esquina onde te perdi,
outro à janela em que me vi perder.

Duas rasas covas ternamente abri,
pois cada morto é parte do meu ser,
e como eu não soubesse o que dizer
um epitáfio a cada um escrevi.

Ao meu primeiro pássaro: Aqui jaz
um amador que, por perder uma asa,
dormita, agora, em ninhos abissais.

E ao meu segundo pássaro: Aqui jaz
a pomba branca que fugiu de casa
e não retorna nunca, nunca mais...
  • André Foltran

Clube de Poetas do Litoral: prescrição - Vivian de Moraes (ilustração Cláudio ...


                                                                imagem by free pik
Clube de Poetas do Litoral: prescrição - Vivian de Moraes (ilustração Cláudio ...: Cláudio Feldman tu te apavoras com teus olhos vítreos, efeito do rivotril? tu te desesperas com tuas oscilações, tuas alucinações, tu...

tu te apavoras com teus olhos vítreos, efeito do rivotril?
tu te desesperas com tuas oscilações, tuas alucinações, tuas perversões?
toma algo melhor do que rivotril
toma um riso-tríduo
em três dias tu te sentirás livre
quanto a mim, poeta que se te dirige
eu sim, vou tomar mais umas gotas
de rivotril

  • Vivian de Moraes