Translate - Escolha o idioma em que deseja ler este blog.

quinta-feira, 27 de março de 2014

Meu "Soneto do Recolhimento" do livro ADÁGIO ENSOLARADO, classificado no 3º Concurso de Poesia da Fundação José Francisco de Sousa/PB


Soneto classificado na Categoria Erudito. Bem acompanhado, ao lado das obras de vários colegas literários de longa data.

SONETO DO RECOLHIMENTO
 
Faz falta a lua ao alto da lagoa,
sorrindo luz depois que o sol partia.
Agora há nuvens, frio e garoa,
sem sol, sem lua, sem a poesia.
 
O sal do mar é insípido e à toa,
nem se compara às lágrimas do dia,
que eram de risos em nossa canoa
onde o sabor dos líquidos fluía.

Fugiu o chão de areia pelo vento,
secou o orvalho do jardim inteiro,
cujo perfume era de acolhimento...
 
Evaporou o aroma pelos ares...
E os passarinhos, mudos, sem canteiro,
guardam nos ninhos todos os cantares.

Cris Dakinis
 
* Imagem buscada no Google e encontrada no eu-proprio-aqui.blogspot.com

Nenhum comentário: